Binance pede "cartas de agradecimento" a autoridades nos EUA, mas sem sucesso

Binance pede por ” cartas de agradecimento ” às autoridades nos EUA, mas sem sucesso

Segundo relato de Bloomberg, Binance tentou uma amizade com o governo dos Estados Unidos. Mais precisamente, a empresa pediu cartas de agradecimento por ter colaborado com investigações.

No entanto, a tentativa não foi bem-sucedida. De acordo com um ex-agente da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA, Ken Joseph, o intercâmbio está tentando ter um argumento contra as investigações em curso sobre sua atuação no país.

Enfim, Joseph aponta que nem mesmo as cartas ajudariam Binance nesse sentido. “Mostrar uma carta de recomendação provavelmente não teria impacto sobre a investigação”, explica.

Letras de recomendação

Como os esforços regulatórios de diferentes países são direcionados às atividades da Binance, a troca repetidamente reforça que auxilia governos em suas investigações.

Inclusive, um detetive da Califórnia declarou que a empresa realmente se mostra aberta a fornecer auxílio. Enquanto isso, tais colaborações são praxe no ramo financeiro, inclusive no Brasil.

O “problema” envolve o pedido da Binance: que as autoridades enviem notas de agradecimento. Ao solicitar o Departamento de Justiça dos Estados Unidos para tal, o funcionário negou.

Nos olhos do DoJ, sigla inglesa do Departamento, a empresa não fez mais do que sua obrigação. Representantes do DoJ não identificados declararam:

” A Binância é obrigada, por lei, a cooperar em investigações criminais. Dessa forma, as notas de apreciação não devem ser exigidas para garantir a colaboração da empresa. “

Que importância?

A importância da postura do DoJ tem a ver com o momento atual nos Estados Unidos envolvendo Binance. Desde maio deste ano, o DoJ e o Serviço de Receita Interna dos EUA estão investigando as atividades da empresa no país.

Assim, as cartas de agradecimento serviriam como prova de cooperação, mostrando que Binance é um dos “mocinhos”.

Ao negar tais documentos, o DoJ diz tacitamente que as ações de cooperação feitas pela empresa até agora não têm um peso especial.

Mais ainda, tendo em vista que diferentes países também estão investindo contra uma das maiores bolsas do mundo em volume, é possível que outros órgãos regulatórios sigam os mesmos passos.

Leia também: Queima do BNB acontece entre esta quinta e domingo

Leia também: Apenas 7 das 20 maiores criptomoedas de 2017 permanecem na parte superior

Leia também: Nubank apresenta fundos de investimento após compra da Easynvest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados

Portal do Bitcoin Brasil
Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
Facebook
Telegram
WhatsApp