Coinbase planeja entrar no Brasil e está contratando diretor

Coinbase planeja entrar no Brasil e está contratando diretor

O Coinbase, uma das maiores empresas de criptomoedas do mundo e a principal bolsa de valores dos EUA, pode estar com planos para iniciar as operações no Brasil.

A empresa está com vaga aberta para Chief Product Officer voltado para o Brasil, a vaga pode ser acessada no link

Conforme declarado pela empresa, o candidato deve ter mais de 12 anos de experiência em gestão de produtos. Além disso, é preciso ter um histórico de construção de produtos de impacto.

Aoms, também é necessário que o candidato tenha capacidade comprovada para liderar projetos que afetem muitas funções, incluindo produto, engenharia, finanças, compliance e suporte.

Finalmente, a empresa requer expertise na coleta de feedback e solicitações de clientes internos e externos, empatia com seus desafios e oportunidades, e priorizando roteiros para otimizar os resultados

” Paixão para criptomoedas, mercados financeiros e o Coinbase&#8221mission;, destaca a empresa.

Coinbase

A empresa não divulgou o salário oferecido para a vaga. No entanto, entre os benefícios, Coinbase pontuou que haverá seguro saúde, odontológico e seguro oftálmico com cobertura de 100% para funcionários e de 80% para dependentes:

  • Plano de Conta de Economia da Saúde (HSA) com contribuição da empresa;
  • Seguro de vida e incapacidade;
  • Plano 401 (k) com uma contribuição equitativa da empresa;
  • benefício mensal de 260 para deslocamento para o trabalho;
  • benefício mensal para academias de ginástica;
  • Folga para atividades voluntárias;
  • Conselhamento e fertilidade-enfrentar benefícios;
  • Troca de empoderamento e desenvolvimento;
  • Parental paga licença parental de 18 semanas;
  • Metais e snacks fornecidos no site;
  • Opção de recebimento de pagamento em criptomoedas.

Esta é a primeira vez que a gigante norte-americana está contratando funcionários específicos em Brasil.

Coinbase quer ajudar as criptomoedas regulares

Recentemente, o intercâmbio anunciou que quer contribuir para a regulação das criptomoedas nos Estados Unidos. Para isso, planeja apresentar no próximo mês um marco regulatório do setor para os legisladores federais.

Foi o que revelou o CEO da empresa, Brian Armstrong, em entrevista ao editor-chefe da TechCrunch, Matthew Panzarino, na terça-feira (21), no TechCrunch Disrupt 2021.

De acordo com Armstrong, o objetivo é tornar a plataforma de moedas digitais uma espécie de orientador sobre o assunto.

Leia também: Protocolo do DeFi distribui R$ 500 milhões aos usuários por engano

Leia também: Milhares de contas Coinbase hackeadas devido à vulnerabilidade

Leia também: QR Code ‘master’ abre todos os portos de mais de 6 mil ATMs de Bitcoin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados

Portal do Bitcoin Brasil
Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
Facebook
Telegram
WhatsApp