El Salvador agora quer incluir Bitcoin na Constituição do país

El Salvador agora quer incluir Bitcoin na Constituição do país

Depois de reconhecer Bitcoin (BTC) como moeda de licitações legais, El Salvador quer ir mais longe e inserir a criptomoeda na Constituição da nação.

Segundo o presidente salvadorenho Nayib Bukele, o país já tem um projeto pronto para a nova Constituição Nacional.

Na prática, a nova Carta Magna proposta pelo presidente-executivo estabelece moedas digitais como constitucionais. O texto fala, especificamente, no uso de “moedas não físicas e não específicas”.

De acordo com o vice-presidente Félix Ulloa, a modificação com relação às moedas digitais propõe o uso de outras moedas não as físicas na política monetária. A Constituição apresenta, ao todo, 215 modificações.

” Estamos vendo que as moedas digitais estão chegando. E se a nossa legislação não for preparada, seremos relegados “, A Ulloa disse, de acordo com o site de El Salvador La prensa Graphics.

Constituição Bitcoin

Ainda não foi divulgado, no entanto, nenhum documento contendo o rascunho do projeto. No entanto, no último sábado (14), o esboço foi apresentado a delegações diplomáticas estrangeiras em El Salvador. Em breve, também estará exposta às organizações não governamentais do país.

De acordo com informações locais, no dia 15 de setembro, por ocasião do bicentenário da nação, o presidente Bukele apresentará todo o documento à Assembleia Legislativa, órgão encarregado da matéria.

O vice-presidente Ulloa conduzirá a apresentação do anteprojeto da nova Constituição antes dos organismos nacionais e internacionais.

Além das criptomoedas, a nova Constituição do projeto-projeto também contempla outras questões relacionadas ao funcionamento do Estado. Isso inclui a duração do mandato presidencial-que seria maior do que a atual-e a criação de um órgão para substituir o Tribunal Superior Eleitoral.

Além Disso, em 7 de setembro, pela primeira vez um país terá Bitcoin como moeda corrente igual ao dólar. No dia 9 de julho, a Assembleia Legislativa aprovou o projeto do presidente Bukele.

No entanto, organizações internacionais como a Força Tarefa de Ação Financeira (FATF) garantem que o Bitcoin pode estar “preso em regulamentações internacionais”.

Enquanto isso, a população salvadorenca ainda tem muitas dúvidas sobre o uso dessa tecnologia. Eles alegam que houve um avanço prematuro do assunto nos órgãos legislativos do país nos últimos meses.

Leia também: Cardano e Polígono devem recuar antes de saltar até 70%, dizem analistas

Leia também: O CBDC do Brasil será criado para ativar o DeFi e os Smart Contracts

Leia também: O Brasil não seguirá El Salvador e adotará Bitcoin, revela BC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados

Portal do Bitcoin Brasil
Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
Facebook
Telegram
WhatsApp