"Governo precisa de ferramenta para rastrear e reverter transações de criptomoedas", diz político dos EUA

” Governo precisa de ferramenta para rastrear e reverter transações de criptomoedas “, diz político americano

Os governos estão muito preocupados com as criptomoedas por causa do anonimato que oferecem e por isso não é incomum encontrar funcionários querendo encontrar maneiras de rastrear e controlar esses ativos digitais. O mais novo membro do governo que advoga por mais controle no setor é o deputado Bil Foster, do partido democrata de Illinois.

O candidato democrata disse em uma entrevista recente a Axios que os criminosos estão cada vez mais inteligentes sobre os limites dos criptomoedas e Bitcoin, especificamente. Com isso, eles sabem que o Bitcoin não é uma grande ferramenta para esconder suas transações e por isso estão se movendo para outras alternativas de atividades ilícitas.

Com isso, o governo não deve apenas descobrir maneiras de rastrear transações, mas desenvolver ferramentas para reverter transações.

” A segunda decisão fundamental que devemos fazer sobre os ativos digitais é-não apenas sobre eles serem realmente anônimos-ou se ele tem como desmascarar os participantes da rede, mas também, se ele tem uma ferramenta ou caminho para reverter transações fraudulentas ou feitas por engano. “

Foster defendeu seu ponto de vista ao falar sobre a possibilidade de crimes envolvendo criptomoedas ou então assaltos e roubos, o que já acontece atualmente. 

” Um exemplo simples disso é se alguém te arrasta para um lugar, coloca uma arma na sua cabeça e fala ‘pega seu celular e transfere todos os seus Bitcoins para a minha carteira’, significando que você acabou de dar azar e pronto? “

Teoricamente, em casos como este, a pessoa realmente perde suas moedas e pode nunca mais reaver esses valores dos investidores. Atualmente isso acontece pouco, já que o Bitcoin não está nem perto de ser usado como dinheiro, mas e no futuro?

” Você pode ir ao tribunal, desmascarar os criminosos e será que o tribunal pode, deve decidir que a transação foi fraudulenta, criminosa ou errada, ter acesso a uma chave bem guardada ou a um backdoor criptomulado que lhes permite reverter a transação no blockchain. “

Claro, a opinião do congressista não é nem um pouco bem-vinda por entusiastas de criptomoedas, já que vai contra alguns dos princípios do Bitcoin, e até Foster reconhece isso.

Mas mesmo sabendo que isso pode incomodar muitas pessoas, o político acredita que muitos achariam interessante ter um terceiro envolvido de alguma forma que possa recuperar os valores roubados, perdidos ou enviados por engano.

Siga a Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados

Portal do Bitcoin Brasil
Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
Facebook
Telegram
WhatsApp