PagSeguro se prepara para entrar no setor bancário

PagSeguro prepara-se para entrar no sector bancário

O PagSeguro fintech está perto de fechar a compra do Banco BV por aproximadamente R$ 16 bilhões, informou o Jornal Correio do Brasil. Com a aquisição, o PagSeguro começa a deixar o mercado de fintech e entrar uma vez no setor bancário.

O BV pertence ao Banco do Brasil e à família Erminio de Morais, fundador do banco. Apesar de avançada, as negociações não estão 100% fechadas, uma vez que envolvem grandes instituições. O banco JPMorgan aconselha o PagSeguro, enquanto o Morgan Stanley auxilia o BV.

PagSeguro deve buscar recursos no mercado

De acordo com o Jornal Correio do Brasil, a PagSeguro não deve pedir empréstimo para realizar a compra da BV. Em vez disso, o banco vai captar recursos por meio de uma nova emissão de ações-os papéis da empresa estão listados na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE).

Dessa forma, o pagamento deve ser realizado de forma mista, com o BB e a família Ermínio sendo remunerados de formas distintas. A participação do banco estatal será paga em dinheiro, enquanto a família receberá ações do PagSeguro em troca de sua parte.

De acordo com analistas, a iniciativa do PagSeguro é vista como positiva em termos de retorno. Atualmente, o BV é dono de R$ 11 bilhões e aproximadamente R$ 20 bilhões em linhas interbancárias, com o banco controlando uma das maiores carteiras de autopeadas do Brasil.

Por outro lado, o PagSeguro é avaliado em 18 bilhões, ou R$ 93 bilhões na listagem atual. Ou seja, quase nove vezes mais do que o BV, que não traz riscos financeiros para o banco.

Ações reagem mal e colapso 15%

A transação é considerada a aposta mais ousada realizada até hoje por Luiz Frias, controlador do PagSeguro. No entanto, nem o mercado norte-americano nem o brasileiro reagiram bem à notícia e, consequentemente, o preço das ações ruiu.

No início desta quinta-feira (8), as ações do PagSeguro na NYSE chegaram a cair 15% em sua baixa. Os papéis se recuperaram ao longo do dia e agora registram uma queda de 8%, cotada a 51,55.

PagSeguro

Os BDRs negociados no B3 tiveram desempenho semelhante, chegando a cair abaixo de R$ 50. Após a recuperação, eles passaram a registrar uma queda de 6,88%, a R$ 58,66.

Em torno de 14h40, a PagSeguro negou que estivesse negociando a compra da BV. No entanto, o Jornal Correio do Brasil sustentou que encaminhar a proposta de compra é verdadeira.

Leia também: “É muito provável que o Bitcoin faça um rompimento positivo”, revela análise

Leia também: Bank of America cria setor voltado em direção às criptomoedas após criticar Bitcoin

Leia também: 3 criptomoedas ainda podem saltar 60% até mesmo com correções de mercado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados

Portal do Bitcoin Brasil
Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
Facebook
Telegram
WhatsApp